Notícias

PREFEITURA DA CAMPANHA REVITALIZA E AMPLIA ESCOLAS DA ZONA RURAL
Evento mostrou duas escolas municipais da zona rural que foram reformadas e ampliadas para proporcionar um melhor ensino aos estudantes.
A Prefeitura da Campanha entregou nesse sábado (17/03) a reforma e ampliação das escolas municipais Professora Margarida Marques de Carvalho e do Campo Grande.
Novos pisos, janelas e portas, nova pintura, além da aquisição de bebedouros, armários, mesas e carteiras escolares foram apresentados. As duas escolas agora contam também com um playground, uma área de lazer para os alunos, e novos aparelhos eletroeletrônicos. Além disso, a Escola Municipal do Campo Grande foi ampliada, com a construção de duas novas salas de aula, uma sala de informática e um depósito.
Para Alexandre dos Reis, que tem dois filhos matriculados na Escola Municipal Professora Margarida Marques de Carvalho, a mudança foi grande.
“Agora meus filhos podem estudar com mais conforto e segurança. Esse foi um investimento muito importante.” Keyla Castro Pereira, moradora da comunidade do Campo Grande, comentou como era a escola antes da reforma. “A situação antes era bem complicada. Havia apenas uma sala, e nenhuma opção de lazer.” E completou. “Ano que vem, quando meu filho estiver com idade suficiente pra estudar, não vou precisar levá-lo pra fora do Campo Grande.”
As escolas receberam dinheiro do Programa Dinheiro Direto na Escola (PDDE Campo), um programa do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), do Governo Federal. Cada uma das escolas recebeu R$ 12.000,00, e a Prefeitura Municipal da Campanha completou as obras com recursos próprios.
De manhã, a escola apresentada foi a Escola Municipal Professora Margarida Marques de Carvalho, no bairro Santa Rita do Palmela. Houve uma apresentação musical dos alunos e homenagens aos familiares da professora que deu o nome à escola. Durante a tarde, foi a vez da Escola Municipal do Campo Grande, no bairro Campo Grande, onde mais uma vez alunos se apresentaram e a  professora Clara Cândida Ferreira, que deu origem ao que se tornaria a escola da comunidade, foi homenageada. Nos dois eventos estiveram presentes autoridades municipais, e houve também a bênção das escolas pelo padre Marco Antonio Iabrudi Filho.
Evento mostrou duas escolas municipais da zona rural que foram reformadas e ampliadas para proporcionar um melhor ensino aos estudantes.
451

A Prefeitura da Campanha entregou nesse sábado (17/03) a reforma e ampliação das escolas municipais Professora Margarida Marques de Carvalho e do Campo Grande.

Leia mais...

PROGRAMAÇÃO CINE VITAL MÊS DE MARÇO
10 de março - SÃO PAULO SOCIEDADE ANÔNIMA - classificação 12 anos
Dir.Luiz Sérgio Penson, São Paulo, 1965, ficção, 107min.
Se um dos principais poderes das imagens em movimento é o de capturar e eternizar um espaço e um tempo,  poucas vezes o cinema brasileiro fez isso de maneira tão forte quanto no retrato da São Paulo da virada dos anos 1950 para os anos 1960 que Luiz Sérgio Person construiu em São Paulo Sociedade Anônima. Num momento em que o cinema nacional voltava seus olhos para o interior e para o sertão para conseguir encontrar uma idéia de brasilidade autêntica, Person vai em busca das angústias existenciais e coletivas de uma classe média urbana, e faz um dos filmes até hoje mais bem-sucedidos na capacidade de mostrar as agruras da vida de um homem absoluta e terrivelmente comum.
Sinopse: Grande painel sobre o impacto das transformações sociais econômicas na cidade de São Paulo provocadas pelo surto da implantação da indústria automobilística no Brasil, sob a ótica de um indivíduo em ascensão. Após casar-se, teramantes e progredir-se socialmente, unindo-se a um empresário do setor automobilístico, ele entra em crise e tenta abandonar  sua carreira e sua vida conjugal.
Elenco:  Walmor Chagas, Darlene Glória, Eva Wilma, Ana Esmeralda, Otelo Zeloni, Nadir Fernandes, Osmano Cardoso, Silvio Rocha, Armando Paschoal, Altamiro Martins, Armando Sganzerla, Etty Fraser, Kleber Macedo, Carmem Maria, Cecilia Rabelo, Lenoir Bittencourt, Maria Lysia, Mario F. C. Audrá, Victorio Bondioli, João Chalherani, Jean Laffront, Marcos Newman, Marta, Renato, Ricardo Gonda
17 de março - FUTEBOL, PAIXÃO NACIONAL – classificação 12 anos
Neste programa de curtas-metragens, o binômio futebol e cinema é consideradoestratégico para a construção de um sentimento de nacionalidade brasileira.
Os seis filmes não só focam o futebol como demonstram a contribuição oferecida pelo
esporte nacional para a história social, política e econômica do país.
Loucos de Futebol, Helder Gomes, CE, 2007, documentário, 22 min.
Um documentário que prova por A + B que futebol é muito mais do que 22 machos correndo atrás de uma bola.
O Mundo segundo Silvio Luiz, André Franciolli, SP, 2000, experimental, 6 min.
A surpresa e o vazio como desafio para o locutor esportivo. Uma experiência do cacete!
Gaviões, André Klotzel, SP, 1981, documentário – ficção, 24 min.
Misturando documentário e ficção, o filme é uma crônica do cotidiano da maior torcida organizada do Corinthians.
Rágio Gogó, José Araripe Jr., BA, 1999, ficção, 18 min.
Um carioca vai morar na Bahia e, com uma velha Kombi travestida de emissora de rádio, acompanha as peladas de rua e realiza grandes transmissões esportivas.
Mauro Shampoo - Jogador Cabelereiro e Homem, Paulo Henrique Fontenelle e Leonardo Cunha Lima, RJ – PE, 2006, documentário, 22min.
Cinebiografia de Mauro Shampoo, ex-jogador de futebol e folclórico cabeleireiro da cidade de Recife. Com apenas um gol marcado em toda carreira, alcançou a fama como atleta-símbolo do Ibis Sport Clube.
Barbosa, Ana Luiza Azevedo e Jorge Furtado, RS, 1988, ficção, 13 min.
Trinta e oito anos depois da Copa do Mundo de 1950, um homem volta no tempo a fim de impedir o gol que derrotou o Brasil, destruiu seus sonhos de infância e acabou com a carreira do goleiro Barbosa.
24 de março - A MARVADA CARNE – classificação livre
Dir. André Klotzel, SP, 1985, ficção, 80 min.
+ Almoço Executivo, Marina Person e Jorge
Espírito Santo, SP, 1996, ficção, 14 min.
Com desenvoltura rara para um estreante, o cineasta André Klotzel faz em A marvada carne uma homenagem ao universo da cultura caipira, vista aqui num embate com a cultura da cidade. Adaptação de uma peça teatral de Alfredo Soffredini, o filme também recorre à mitologia brasileira ao colocar em cena figuras como o Saci e o Curupira. Com nove kikitos no Festival de Gramado, em 1984, é uma das comédias mais divertidas do moderno cinema brasileiro. Comportamentos urbanos também estão em pauta em Almoço Executivo, curta assinado pela dupla Marina Person e Jorge Espírito Santo, que partem de um fato corriqueiro para realizar uma comédia de humor imprevisível.
Sinopse A Marvada Carne: Nhô Quim vive lá nos cafundós em companhia do cachorro e da cabra de estimação. Aquela vidinha besta no meio do mato não dá pé e ele resolve cair no mundo e procurar a solução para duas questões que o incomodam: arranjar uma boa moça para o casório e comer a tal de boi, um desejo que fica ruminando sem parar dentro dele. Nas suas andanças, Nhô Quim vai dar na casa de Nhô Totó, cuja filha está em conflito com Santo Antônio, que não anda colaborando para ela arranjar um bom marido. E logo Nhô Quim descobre que o pai da moça tem um boi reservado para a ocasião do casamento da filha. Será este o momento para Nhô Quim realizar seus dois maiores desejos.
Elenco: Adilson Barros, Fernanda Torres, Dionísio Azevedo, Genny Prado, Regina Casé, Lucélia Machiavelli, Paco Sanches, Henrique Lisboa, Chiquinho Brandão, Tio Celso, Tonico e Tinoco.
Sinopse Almoço Executivo: Cinco amigos se encontram para almoçar. Nada poderia ser mais corriqueiro. Mas por alguma razão, ninguém ficou para a sobremesa.
Elenco: Cazé Pecini, Malu Bierrenbach, Tatiana Soares, Fabio Saltini, José Guilherme Campos, André Abujamra, Ary França.
PROGRAMAÇÃO CINE VITAL
24 DE MARÇO


A_MARVADA_CARNE
FILME: A MARVADA CARNE
classificação livre
Com desenvoltura rara para um estreante, o cineasta André Klotzel faz em A marvada carne uma homenagem ao universo da cultura caipira, vista aqui num embate com a cultura da cidade. Adaptação de uma peça teatral de Alfredo Soffredini, o filme também recorre à mitologia brasileira ao colocar em cena figuras como o Saci e o Curupira. Com nove kikitos no Festival de Gramado, em 1984, é uma das comédias mais divertidas do moderno cinema brasileiro. Comportamentos urbanos também estão em pauta em Almoço Executivo, curta assinado pela dupla Marina Person e Jorge Espírito Santo, que partem de um fato corriqueiro para realizar uma comédia de humor imprevisível.
Sinopse: A Marvada Carne: Nhô Quim vive lá nos cafundós em companhia do cachorro e da cabra de estimação. Aquela vidinha besta no meio do mato não dá pé e ele resolve cair no mundo e procurar a solução para duas questões que o incomodam: arranjar uma boa moça para o casório e comer a tal de boi, um desejo que fica ruminando sem parar dentro dele. Nas suas andanças, Nhô Quim vai dar na casa de Nhô Totó, cuja filha está em conflito com Santo Antônio, que não anda colaborando para ela arranjar um bom marido. E logo Nhô Quim descobre que o pai da moça tem um boi reservado para a ocasião do casamento da filha. Será este o momento para Nhô Quim realizar seus dois maiores desejos.

Elenco: Adilson Barros, Fernanda Torres, Dionísio Azevedo, Genny Prado, Regina Casé, Lucélia Machiavelli, Paco Sanches, Henrique Lisboa, Chiquinho Brandão, Tio Celso, Tonico e Tinoco.

Dir. André Klotzel, SP, 1985, ficção, 80 min. + Almoço Executivo, Marina Person e Jorge Espírito Santo, SP, 1996, ficção, 14 min.

Sinopse: Almoço Executivo: Cinco amigos se encontram para almoçar. Nada poderia ser mais corriqueiro. Mas por alguma razão, ninguém ficou para a sobremesa.

Elenco: Cazé Pecini, Malu Bierrenbach, Tatiana Soares, Fabio Saltini, José Guilherme Campos, André Abujamra, Ary França.


Na tarde do dia 01-03, a Prefeitura da Campanha se reuniu com representantes de instituições municipais para assinatura dos convênios de repasse de subvenção, que vigorarão no ano de 2012. Ao todo serão repassados às entidades mais de R$ 250.000,00.

Leia mais...

A Prefeitura Municipal da Campanha preparou uma programação especial para comemorar o Dia Internacional da Mulher.

Leia mais...

Campanha, área de cobertura da EPTV Sul de Minas, será o próximo destino do quadro Prato Fácil. A gravação será na próxima sexta-feira, dia 02/03/12, a partir das 15h, na Praça Dom Ferrão. A receita será a “quarta de Março”, mês de aniversário de 9 anos do quadro Prato Fácil, quando serão preparadas receitas à base de milho verde. O programa será exibida no dia 22/03/12. Como é tradição, a receita  poderá ser degustada por todos os presentes no dia da gravação.
Vacinação Antirrábica 2018!
Qua, 11 de Julho de 2018
Cuide do seu amigo! Curta! Compatilhe! Avise seus familiares e amigos! Confira a programação completa, os locais e horários de vacinação: http://www.campanha.mg.gov.br/index.php?option=com_docman&task=cat_view&gid=193&Itemid=245
A reforma da ESF do Santa Tereza começou!
Qua, 11 de Julho de 2018
MÃOS A OBRA! REFORMA GARANTIRÁ AO CIDADÃO O SERVIÇO QUE ELE MERECE! O Governo Municipal deu início a reforma da ESF do Santa Tereza, que será realizada com recursos próprios e garantirá ao usuário da unidade um serviço de saúde de... Leia mais...
Alunos do Dom Othon realizam sarau em homenagem à professora Roseli Nani
Seg, 09 de Julho de 2018
Na última sexta-feira (6), os (as) alunos (as) e os (as) professores (as) da Escola Municipal Dom Othon Motta realizaram um sarau em homenagem à Professora Roseli Nani, que está a caminho de aposentar-se. Leia mais...
Confira a programação da Academia da Saúde!
Seg, 09 de Julho de 2018
CONFIRA A PROGRAMAÇÃO DA ACADEMIA DA SAÚDE! São atividades diárias, gratuitas e voltadas à saúde ao bem estar do cidadão da Campanha! As inscrições devem ser realizadas na Academia da Saúde, de segunda a sexta-feira, das 9:00 às 11:00 e... Leia mais...